Súplica a Nossa Senhora do Amparo

Ó Santa Senhora do Amparo, ponde em minha alma, totalmente carecedora de méritos e de forças, uma graça pela qual este vosso escravo confie em Vós cegamente durante a vida inteira. Uma graça que faça desta confiança cega o caminho pelo qual ele realize sua vocação, e chegue até Vós no Reino de Maria e no Reino dos Céus.

Vós bem sabeis que incontáveis vezes este escravo Vos será infiel. Ponde, porém, na alma de vosso escravo a convicção de que, de antemão, lhe perdoastes tudo, já perdoastes até o inimaginável, e de que depois de cada miséria Vós abrireis para este escravo as portas de uma misericórdia nova, mais suave, mais rica e mais insondável do que a anterior. Assim seja.

Plinio Corrêa de Oliveira (Composta em 4/9/1970)

Nota: “escravo” no sentido empregado por S. Luis Maria Grignion de Montfort, na consagração a Nossa Senhora.​

Envie seu comentário

Você pode estar interessado