Pensamentos de São Paulo da Cruz

São Paulo da Cruz nasceu em 03 de janeiro de 1694 na cidade de Ovada, em Genova, na  Itália.

A mãe de São Paulo da Cruz ensinava-o a conhecer, amar e servir a Deus, narrando-lhe a vida dos santos anacoretas. E como estava Intimamente unida a Deus, sabia dar às palavras tais acentos e tal expressão, que o menino a ouvia com o maior interesse. Foi assim que nasceu nele esse amor à solidão, que se tornou a característica de sua vida.

Com que cuidade não lhe depositou no coração pequenino a semente de todas as virtudes!

Falava-lhe da Paixão e Morte de Nosso Senhor, e nos olhos puros do pequeno borbulhavam lágrimas. Colocava-lhe outras vezes nas mãos o crucifixo, dizendo:

“ Vê, meu filho, quanto Jesus sofreu por nosso amor! ”

A santa mãe consagrara-o à Rainha das Virgens. Dizia lhe também repetidas vezes da obediência e docilidade do Menino Jesus e da ternura de Maria Santíssima, o que lhe despertava singularíssima devoção para com Eles.

E São Paulo, de joelhos, mãozinhas postas ante suas imagens, comprazia-se em dirigir-lhes breves orações. Essa esmerada educação materna foi corroborada pelos exemplos do virtuoso pai. A lembrança de mãe tão santa permanecerá indelével na alma agradecida de Paulo Francisco, até o final de sua longa existência. Dela discorria freqüentemente em público, comovido, propondo-a como exemplo.

Mais tarde dirá: “Se me salvar, como espero, devo-o a educação que recebi de minha mãe ” . Felizes os pais que assim educam para Deus os seus filhos!

Eis alguns pensamentos de São Paulo da Cruz

“O caminho mais curto para chegar à santidade é perder-se inteiramente no abismo dos sofrimentos do Salvador”

“Aqueles que sofrem por amor de Deus ajudam Jesus a levar a cruz e, portanto, participarão na sua glória.”

“Quanto mais penosa e pesada for a cruz, melhor é para a alma que a leva.”

” Meditai muitas vezes na dores de Maria,nossa divina Mãe, dores inseparáveis das do seu Filho.”

” Para conservar e alimentar o amor de Deus, frequentai os sacramentos: a confissão e a comunhão.”

” A missa é o momento mais favorável para invocar o Eterno Pai.”

“Estai sempre preparados para a sagrada mesa, conservai sempre puro o vosso coração, e guardai atentamente a língua, que é a primeira a tocar na sagrada Comunhão”.

” Sejamos generosos, sirvamos o Senhor com o coração grande,pratiquemos as grandes virtudes! Deus será nossa força e nos dará a vitória.”

“Orai vinte e quatro horas por dia; quero dizer; fazei tudo com o coração e o espirito elevados para Deus.”

” Aquele que se torna o mais pequeno,será o maior,quem mais se humilha mais será elevado, mais será enaltecido.”

” Oferecei com frequência a vossa vontade a Deus e sentireis uma grande consolação.”

” Quem não tem a Igreja por mãe não tem a Deus por Pai.”

Envie seu comentário

Você pode estar interessado