Medianeira onipotente

O reinado de Nossa Senhora resulta do fato de Ela ser o ponto de convergência e de espargimento de todas as graças divinas. Maria é Soberana, porque todos os dons e favores celestiais concedidos aos homens nos vêm pelas suas mãos maternais; porque todos os pedidos e orações que dirigimos a Deus são-Lhe apresentados por Ela.

Se os Anjos e Santos rogassem juntos, sem Ela, nada obteriam; sozinha, a Virgem Santíssima tudo alcança, de tal modo se concentrou n’Ela a inteira predileção do Criador.

Rainha onipotente, porque pode tudo junto d’Aquele que tudo pode, e que A constituiu Medianeira de todas as suas graças.

Plinio Corrêa de Oliveira (Imagem de Nossa Senhora das Graças)

Envie seu comentário

Você pode estar interessado