São Raimundo Nonato, Bispo

Extraído vivo do seio da sua mãe sem vida, recebeu sobrenome de Nonato, ou seja, “não nascido”.

Ingressou, com 24 anos, na Ordem dos Mercedários, destinada ao resgate de cativos e ofereceu-se voluntariamente para ficar escravo entre os mouros, a fim de permitir a libertação de um católico que estava periclitando na fé.

Visava também exercer seu ministério entre os demais pobres cativos e, mais ainda, pregar a Religião católica aos próprios maometanos. Para impedi-lo de pregar, os mouros furaram-lhe os lábios com um ferro quente, e mantinham sua boca fechada com um cadeado.

Passou oito meses prisioneiro, sofrendo atrozmente. Depois de libertado, foi nomeado cardeal, em reconhecimento pelos seus méritos.

Faleceu com apenas 36 anos.É por isso invocado como padroeiro das parturientes e das parteiras.

São Raimundo Nonato, rogai por nós!

 

 

Com Santos José de Arimateia e Nicodemos, que acolheram o corpo de Jesus descido da cruz, o envolveram num lençol e colocaram no sepulcro. José, nobre decurião e discípulo do Senhor, esperava o reino de Deus; Nicodemos, fariseu e príncipe dos Judeus, viera de noite ter com Jesus para conhecer a sua missão e, perante os sumos sacerdotes e os fariseus que queriam prender Jesus, defendeu a sua causa.