São Panteno de Alexandria, Confessor

São Panteno de Alexandria, Confessor

Homem de grande zelo apostólico e dotado de ciência, sabedoria e grande conhecimento da palavra de Deus.

São Jerônimo menciona vários escritos seus sobre as Sagradas Escrituras.

Mostrava tal ardor e tal entusiasmo pela palavra divina que se tornou admirado e procurado, sendo considerado como o arauto do Evangelho de Nosso Senhor nas nações do Oriente, chegando mesmo, escreveu Eusébio, até as Índias

Regressou, finalmente, a Alexandria, onde descansou em paz, no tempo do Imperador Antonino Caracala.

Foi o fundador da Escola Catequética de Alexandria, também chamada de Didascaleu (Didaskaleion), em 190. Esta escola, a primeira do gênero no mundo, se tornou muito influente durante o Cristianismo primitivo e no desenvolvimento da teologia cristã.

São Clemente, seu ex-aluno, não hesita em afirmar que foi o mais ilustre entre os mestres de seu tempo na exposição da doutrina cristã e na interpretação das Sagradas Escrituras.

São Panteno de Alexandria, rogai por nós!

Santa Maria Guo Lizhi, mártir, exortou à firmeza de ânimo sete parentes seus ao suplício.