Santo Tomás de Aquino, Religioso, Doutor da Igreja

Um dos maiores Santos da História, autor da Suma Teológica.

Tomás nasceu em 1225, no castelo de Roccasecca, na Campânia, da família feudal italiana dos condes de Aquino. Possuía laços de sangue com as famílias reais da Itália, França, Sicília e Alemanha, esta ligada à casa de Aragão.

Seus irmãos chegaram a trancá-lo num castelo por um ano, para tentar mantê-lo afastado dos conventos, mas sua mãe acabou por libertá-lo e, finalmente, Tomás pôde se entregar à religião.

Pertenceu à Ordem dos padres dominicanos.

Costuma ser indicado como o maior teólogo da Idade Média, como também, mestre dos teólogos até aos dias de hoje. Declarado “Doutor da Igreja”, em 1567, e Padroeiro das Universidades, Academias e Colégios católicos, em 1880.

Foi de fato um gênio, que poderia ter-se perdido, não fora ter-se libertado das atrações mundanas da sua classe, pois era rico, nobre e cerceado em seu desenvolvimento pela própria família. Foi em Paris – o maior centro de estudos teológicos do seu tempo – que ele pôde compor a sua gigantesca obra a Suma Teológica, verdadeira síntese do passado e intuição do futuro. Até hoje, essa obra não encontrou similar, nem em matéria de Filosofia nem em matéria de Teologia.

Tornou conselheiro dos Papas Urbano IV, Clemente IV e Gregório X, além do Rei São Luiz da França. Foi para Colônia e Paris estudar com o grande Santo e Doutor da Igreja, Alberto Magno. Por sua mansidão e silêncio foi apelidado de “boi mudo”, por ser também, gordo, contemplativo e muito devoto.

Por vezes, esquecemos, atrás do sábio, a grandeza do Santo. E São Tomás soube desapegar-se das grandezas do mundo, para revelar o amor mais profundo à oração e à contemplação. Tornou-se, assim, o modelo de todos os que buscam a Deus, vivendo segundo o plano divino.

São Tomás de Aquino, rogai por nós!

Oração –  Vós que sois a fonte verdadeira da luz e da ciência, derramai sobre as trevas da minha inteligência um raio da vossa claridade. e graça abundante para falar. Meu Deus, semeai em mim a semente da vossa bondade

Tomás tem origem no aramaico ta’oma’, que significa literalmente “gêmeo”. Equivale em significado ao nome Dídimo

 

Com Santos Águeda Lin Zhao, virgem, Jerónimo Lu Tingmei e Lourenço Wang Bing, mártires, catequistas na China.