São Judas Tadeu

São Judas Tadeu
A glória dos santos é eterna. O tempo não é capaz de apagar sua memória, nem a malícia dos homens empanar o brilho de suas virtudes. São Judas Tadeu luziu no firmamento da Igreja como um astro bem unido ao Divino Redentor Jesus, do qual era primo. Este grande apóstolo, no seu zelo para difundir a Boa Nova, não poupou nenhum sacrifício e, de bom grado, derramou seu sangue para edificar o Reino de Deus. Conhecido como o santo das causas perdidas, está sempre disposto a interceder, com Maria Santíssima, junto a Jesus por aqueles que pedem seu auxílio. Muitos santos recorreram a ele em suas necessidades, como o grande São Bernardo de Claraval e Santa Brígida, e estimularam a devoção a esse apóstolo. A campanha “Vinde Nossa Senhora de Fátima, não tardeis!” oferece a seus amigos e participantes esta pequena história de São Judas, para que todos possam se beneficiar de sua poderosa intercessão junto ao trono do Altíssimo.  São Judas, rogai por nós!
História de São Judas Tadeu
Eis o título que exprime toda a sua grandeza: Apóstolo de Nosso Senhor Jesus Cristo! A seu nome, Judas, foi-lhe acrescentada a denominação Tadeu, que quer dizer: misericordioso, benigno.  Judas, por sua vez, significa: Louvores sejam dados a Deus! Conforme São Jerônimo, significa também: homem de grande coração e inteligência.  E São João Crisóstomo lhe dá  o título de Zeloso, por ter brilhado nessa virtude.
Parentesco com Jesus Cristo
Nascido em Caná da Galiléia, na Palestina, ele era filho de Cleofas e Maria Cleofas. Seu pai era irmão de São José e sua mãe, prima de Nossa Senhora. Portanto, Judas Tadeu era primo de Jesus, tanto por parte de seu pai como também de sua mãe. Seu pai era um dos discípulos a quem Jesus apareceu no caminho de Emaús, no dia da ressurreição. E sua mãe era uma das santas mulheres que seguiram a Jesus desde a Galiléia. No Calvário, elas permaneceram aos pés da Cruz junto com Maria Santíssima.  São Judas Tadeu tinha quatro irmãos: Tiago, José, Simão e Maria Salomé. Tiago, também escolhido por Jesus,  foi chamado Tiago Menor para diferenciá-lo do outro apóstolo Tiago que, por ser mais velho, era chamado de Maior. Tiago Menor se tomou o primeiro bispo de Jerusalém. José foi conhecido como Justo. Simão foi o segundo bispo de Jerusalém, após a morte de Tiago. E Maria Salomé, sua irmã, era mãe dos apóstolos Tiago Maior e
João Evangelista.  Como se vê, vários dos primeiros apóstolos tinham um parentesco muito próximo com Nosso Senhor.
 Pregando o Evangelho
Após a Ascensão de Nosso Senhor Jesus Cristo aos céus e a descida do Espírito Santo, São Judas e os outros apóstolos se apressaram em atender ao desejo do Divino Mestre: “Ide pelo mundo inteiro e anunciai a Boa-Nova a toda criatura!”
Primeiras Missões
Padres da Igreja, entre os quais São Jerônimo, São João Crisóstomo, Eusébio e outros nos dão a conhecer que primeiramente São Judas dirigiu-se junto com São Simão à Líbia, onde propagou o Reino de Deus e converteu muitos pagãos. Operou estupendos milagres, expulsou demônios, derrubou ídolos e sofreu perseguições por causa do nome de Nosso Senhor. Após o martírio de São Tiago Menor, seu irmão, ele voltou a Jerusalém, donde seguiu evangelizando a Samaria, a Síria e o Iraque.
João Sérgio Guimarães