Capítulo I – Conteplar a Cristo com Maria

Suplicar a Cristo com Maria

16. Cristo convidou a dirigirmo-nos a Deus com insistência e confiança para ser escutados: «Pedi e dar-se-vos-á; procurai e encontrareis; batei e abrir-se-vos-á» (Mt 7, 7). O fundamento desta eficácia da oração é a bondade do Pai, mas também a mediação junto d''Ele por parte do mesmo Cristo (cf. 1 Jo 2, 1) e a ação do Espírito Santo, que «intercede por nós» conforme os desígnios de Deus (cf. Rom 8, 26-27). De facto, nós «não sabemos o que devemos pedir em nossas orações» (Rom 8, 26) e, às vezes, não somos atendidos «porque pedimos mal» (Tg 4, 3).

Em apoio da oração que Cristo e o Espírito fazem brotar no nosso coração, intervém Maria com a sua materna intercessão. "A oração da Igreja é como que sustentada pela oração de Maria".(23) De fato, se Jesus, único Mediador, é o Caminho da nossa oração, Maria, pura transparência d''Ele, mostra o Caminho, e "é a partir desta singular cooperação de Maria com a ação do Espírito Santo que as Igrejas cultivaram a oração à santa Mãe de Deus, centrando-a na pessoa de Cristo manifestada nos seus mistérios".(24) Nas bodas de Caná, o Evangelho mostra precisamente a eficácia da intercessão de Maria, que se faz porta-voz junto de Jesus das necessidades humanas: «Não têm vinho» (Jo 2,3).

O Rosário é ao mesmo tempo meditação e súplica. A imploração insistente da Mãe de Deus apoia-se na confiança de que a sua materna intercessão tudo pode no coração do Filho. Ela é "omnipotente por graça", como, com expressão audaz a ser bem entendida, dizia o Beato Bártolo Longo na sua Súplica à Virgem.(25) Uma certeza esta que, a partir do Evangelho, foi-se consolidando através da experiência do povo cristão. O grande poeta Dante, na linha de S. Bernardo, interpreta-a estupendamente, quando canta: "Donna, se' tanto grande e tanto vali, / che qual vuol grazia e a te não ricorre, / sua disianza vuol volar sanz'ali".(26) No Rosário, Maria, santuário do Espírito Santo (cf. Lc 1, 35), ao ser suplicada por nós, apresenta-se em nosso favor diante do Pai que a cumulou de graça e do Filho nascido das suas entranhas, pedindo conosco e por nós.

Rua Martim Francisco, 665 - Santa Cecília - São Paulo - SP - CEP 01226-001
(11) 2206-4540
vindesenhoradefatima@fatima.org.br